Conhecendo melhor a Campanha Outubro Rosa

11:23:00

Hoje é dia de abordar um assunto muito importante, não só nesta data, neste mês, mas sempre. Um fator preocupante para a vida de nós, mulheres. Vamos falar sobre o Outubro Rosa, uma campanha mundial em prol da prevenção do câncer de mama.

Imagens retiradas da internet. Se forem de sua autoria, comunique.


Entre as mulheres, o câncer de mama é o mais temido, não somente pela alta frequência, mas por afetar a sexualidade e auto estima. Vamos conhecer um pouco mais sobre o assunto:

• O que é?
Outubro Rosa é uma campanha de conscientização contra o câncer de mama. Tem como objetivo alertar as mulheres e a sociedade a importância da prevenção e diagnóstico precoce. Simbolizada pelo laço rosa.


• Quando e onde surgiu a campanha?
Surgiu no ano de 1990 na primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York. Entretanto, somente em 1997 outras entidades começaram a promover atividades voltadas ao diagnóstico e prevenção da doença. Escolhendo outubro como o mês representativo das ações. Hoje o Outubro Rosa é realizado pelo mundo todo.


• Como fazer o autoexame das mamas?

IMPORTANTE:
- Durante a palpação da mama, observe o surgimento de nódulos, note sua consistência, mobilidade, limites, localização, tamanho.
- A dor também deve ser considerada, embora não seja frequente em casos de câncer de mama.
- Nódulos que surgem antes da menstruação e desaparecem após a mesma, geralmente não têm valor clínico importante.
- O uso de anticoncepcionais, terapia de reposição hormonal, período pré menstrual, amamentação, gestação e aborto recente podem influenciar e dificultar a identificação de nódulos.

• Com que frequência devemos fazer o exame e a partir de que idade?
O autoexame deve ser feito uma vez por mês, de 5 a 10 dias após a menstruação, por todas as mulheres acima de 21 anos. Mulheres acima dos 40 anos, devem fazer a mamografia anualmente. A chance de uma mulher aos 40 anos ter câncer de mama é bem menor do que a partir dos 50. Porém, médicos orientam que antes dos 35 anos, só devem ser feitos em casos específicos.


• Quais os sinais do câncer de mama?



• Qual a estatísticas de câncer de mama no Brasil?
Em 2016, no Brasil, são esperados mais de 57.960 casos novos de câncer de mama, com risco estimado de 56,20 casos a cada 100 mil mulheres. (Confira tabela no site da Inca)
Este tipo de câncer é o primeiro mais frequente nas mulheres das Regiões Sul (74,30/100 mil), Sudeste (68,08/100 mil), Centro-Oeste (55,87/100 mil) e Nordeste (38,74/100 mil). Na região Norte, é o segundo tumor mais incidente (22,26/100 mil)


• Quais as causas e fatores de risco do câncer de mama?

Um fator de risco é algo que prejudica a chance de adquirir uma doença como o câncer. Alguns fatores podem ser controlados, como fumar, enquanto outros, como histórico pessoal, familiar, idade, não podem ser alterados. Mas isso não significa que tu vai ter uma doença como o câncer. Muitas pessoas que o contraem podem nem estar sujeitas a fatores de riscos. O câncer de mama é em parte decorrente de uma série de fatores de risco, como:
  • Ser mulher.
  • Histórico familiar.
  • Menarca precoce.
  • Predisposição genética hereditária.
  • Idade avançada.
  • Menopausa tardia.
  • Radioterapia prévia na região do tórax.
  • Mamas densas.
  • Obesidade.
  • Sedentarismo.
  • Alcoolismo.
  • Tabagismo.
  • Uso da terapia de reposição hormonal.

• Qual a importância da prevenção?
A detecção precoce é um dos métodos mais eficazes para diagnosticar o câncer. No caso do câncer de mama, 95% dos casos diagnosticados no início têm possibilidade de cura. Quanto mais cedo identificado, aumenta as chances de cura e diminui a agressividade do tratamento.







Muitos dos dados foram pesquisados e retirados dos sites Outubro Rosa e Inca, como também do Wikipédia.

Vamos todos nos unir e falar sobre a importância da prevenção do câncer de mama, do autoexame e descobrimento precoce dele. Comentem.

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

14 comentários

  1. Quanto mais informações, melhor né? Adorei o post! Minha mãe trabalha no INCA então eu sempre to por dentro de coisas relacionadas ao câncer de mama, desde curativos até a processos que as mulheres precisam passar para controlar o câncer e fazer com que ele não se espalhe pelo corpo :( é uma doença triste por ainda não ter cura, mas acredito que um dia a gente consiga isso né? A gente, no caso, nós humanos, hahaha!

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, também acho. E é muito importante saber, mesmo que muitas das informações as pessoas já saibam, é sempre bom relembrar pra não perder o foco.

      Muito legal saber que sua mãe trabalha na INCA. ♥

      Beijos

      Excluir
  2. É interessante que ser mulher já é um fator de risco, então a gente precisa mesmo ficar atentas aos sintomas. Muito bacana seu post, ele ficou completinho e tira muitas dúvidas.
    Beijo, www.apenasleiteepimenta.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Les, fico feliz que eu tenha conseguido reunir bastante informações e deixado o post o mais completo possível.
      Pois é, muitas vezes, não fazemos ideia de que só por ser mulher já é um dos maiores fatores de risco para o câncer de mama.


      Beijos

      Excluir
  3. Essa campanha é maravilhosa! Quanto mais informações tivermos sobre o assunto, melhor!
    Um beijo!

    http://www.impulsofeminino.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho isso Thaís. Quanto mais informações e mais pessoas falando a respeito, melhor e mais alcance temos.


      Beijos

      Excluir
  4. Lindo demais teu post, bem completinho, parabéns Gaby! é muito importante chamar atenção pra esse assunto e essa campanha é simplesmente linda.
    Beijos!
    Blog Cor E Humor // Facebook // Instagram // Loja

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vic, obrigada!
      Estou tão feliz que todo mundo gostou do post e percebeu que tentei colocar bastante informações.
      É muito importante que todos falemos sobre isso, sempre.


      Beijos

      Excluir
  5. Respostas
    1. Oi, Dani! Obrigada.
      A intenção era realmente colocar bastante informação, pois vejo alguns posts tão simples a respeito.
      Então, eu mesma bolei as perguntas, pois eram minhas dúvidas também, aí fui pesquisando e obtendo a resposta.


      Beijos

      Excluir
  6. Amei o post! sempre bom saber mais informações. Devemos falar muito desse assunto! Fazer barulho mesmo heheh.. 95% dos casos descobertos no inicio tem mais possibilidade de cura, que estimativa né? temos que manter sempre em alerta a mulherada.

    Beijos!

    => BLOG VITORIA MARTINI

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Vi!
      E é impactante quando lemos as estatísticas e fatores de riscos, não acha?
      Quanto mais falarmos sobre isso, melhor.


      Beijos

      Excluir
  7. Que post maravilhoso, Gaby! Gostoso de ler, informativo, cheio de imagens e completo. Conheço muitas mulheres que sofreram com câncer de mama, o que me deixou ligada no assunto desde cedo, mas a campanha é muuuuito importante pra quem acha que nunca pode acontecer com elas, ou que são muito jovens, ou qualquer uma dessas desculpas que sempre damos pra nós mesmas. Parabéns pelo post! <3

    blogdeclara.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Clara, se tu soubesse como é gratificante quando tu passa por aqui. Te tenho como uma inspiração nesse ramo e saber que tu gostou da postagem e achou ela completa, é muito bom. Fico muito feliz por isso.

      Eu tenho um amigo onde a mãe teve câncer de mama e fez todos os tratamentos químicos e conseguiu se curar. E, também, tenho outro amigo onde a avó morreu por causa de câncer.
      Então acho digno pesquisar mais e compartilhar com outras pessoas. Quanto mais informação, melhor.


      Beijos

      Excluir

Youtube

Curta no Facebook

Twitter